Batata-doce de Aljezur com alta procura e baixa produção

05/12/2018

Aumentar a produção e o número de produtores certificados é o grande desafio que a Associação dos Produtores de Batata-Doce de Aljezur tem pela frente. Atualmente, a produção neste concelho ronda as 300 toneladas anuais e “esgota-se rapidamente”, revela o presidente Manuel Marreiros

A produção anual de batata-doce certificada em Aljezur ronda as 300 toneladas. É muito pouco para satisfazer a procura atual, queixa-se ao JORNAL DO ALGARVE o presidente da Associação de Produtores de Batata-Doce de Aljezur (APBDA), Manuel Marreiros.

Para garantir desde já o futuro desta cultura emblemática da região, a prioridade da associação passa pelo aumento da produção e do número de produtores certificados. “A produção esgota-se rapidamente e acabamos por ter uma presença pouco significativa junto do consumidor”, lamenta Manuel Marreiros.

Atualmente, a associação conta com cerca de uma centena de produtores associados, mas a maioria já tem idades avançadas e apenas 20 produzem a batata-doce de Aljezur certificada.

No entanto, também surgem sinais de esperança: “A média de idades dos produtores tem vindo a baixar, podendo afirmar-se que não ultrapassará os 50 anos. Isto porque têm-se fixado novos produtores oriundos de fora de Aljezur e de Odemira, bem como novas empresas produtoras”, adianta o presidente da APBDA…

(NOTÍCIA COMPLETA NA ÚLTIMA EDIÇÃO DO JORNAL DO ALGARVE – NAS BANCAS A PARTIR DE 29 DE NOVEMBRO)

Fonte:Jornal do Algarve

Filipe Palhoça lança novos espumantes

04/12/2018

Marta Palhoça diz que é o “concretizar de um sonho da terceira geração de uma adega de 1950”

A Filipe Palhoça Vinhos reforçou a sua gama de produtos com o lançamento, na Casa Mãe da Rota dos Vinhos, em Palmela, completamente esgotada, de três espumantes, dois brancos e um rosé.

Após o falecimento de Filipe Palhoça, o filho e a nora deitaram “mãos à obra” para o “concretizar de um sonho da terceira geração da adega”, porque não podemos cruzar os braços”. A jovem empresária garante que “não queremos que seja mais um espumante”, pois “somos apaixonados pelo que fazemos e os prémios da Melhor Vinha e do Melhor Vinho tinto servem de incentivo para continuarmos a trabalhar”.

Marta Palhoça manifestou a sua satisfação pela “adesão de tanta gente” e prometeu que “a próxima apresentação já será na nossa nova loja, que está a ser construída e onde apostámos num grande investimento”.

A enóloga Ana Marta Cardim explicou em pormenor os três espumantes, dois brancos e um rosé, dois secos e um meio seco, com destaque para o rosé concebido com as castas de moscatel roxo e castelão, destacando que “são as mais importantes da Península de Setúbal”.

Os espumantes, explica a jovem enóloga de 27 anos, “foram concebidos através do método clássico com a segunda fermentação no interior da garrafa, tudo de forma natural, que desafia a apreciação visual, olfativa e gustativa”.

Os três novos vinhos envolveram uma produção de seis mil garrafas para venda no mercado nacional para degustar na noite de Natal ou para começar o Ano Novo.

Antes de terminar a apresentação, que contou com a presença do presidente da Câmara de Palmela, Álvaro Amaro, Marta Palhoça anunciou “o lançamento do Grande Escolhas para o mercado nacional, mas a piscar o olho ao mercado internacional”, e acrescentou “iremos lançar novidades no próximo ano, mas ainda são surpresas, que a seu tempo serão reveladas”.

Fonte: Diário da Região 

Aldeia de Natal aquece centro histórico do Seixal

04/12/2018

De ano para ano o Natal é cada vez mais tempo de festa no Seixal. Iluminação e muita diversão unem crianças e adultos a uma tradição a que não faltam os símbolos da época. E mais uma vez vai ser reivindicado o Hospital no Seixal

À espera de miúdos e graúdos, a Aldeia Natal é um espaço fantástico que até 23 de Dezembro vai dar outra cor ao núcleo antigo do Seixal. A desafiar a curiosidade e brincadeira, todos vão puder visitar a casa do Pai Natal e a dos duendes, e a Ilha das Guloseimas, viajar no carrossel francês, e patinar na pista de gelo natural.

Mágico vai ser também Mercado de Natal onde há artesanato, gastronomia, muita doçaria e ideias de presentes para este Natal. E por falar em doçaria, está a decorrer o Concurso de Doçaria de Natal que tem por objectivo promover a doçaria tradicional desta época festiva. Participam pastelarias, padarias e doceiros particulares, que têm de entregar os seus doces a concurso até às 15h00 de dia 8 no salão nobre da Associação Náutica do Seixal para serem apreciados pelo júri. A prova, bem como a cerimónia de entrega dos prémios, realiza-se a partir das 16h00.

O prémio a atribuir ao vencedor, no montante de mil euros, será oferta do Município do Seixal, sendo atribuído ainda um Prémio Turismo, a cargo da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa. Serão entregues certificados de participação a todos os concorrentes.

Com muita iluminação, a Aldeia de Natal do Seixal vai estar aberta de segunda a quinta-feira, das 14h00 às 19h00 e, de sexta-feira a domingo, das 11h00 às 22h00. Mas há mais para assinalar este momento do ano.

Integrado no programa da Aldeia Natal, no próximo dia 15, às 16h00, na Sociedade Filarmónica União Seixalense, realiza-se o Natal do Hospital no Seixal. Trata-se de uma iniciativa que se realiza todos os anos, que marca a reivindicação por uma unidade que população e autarcas consideram “necessária”. É a forma de “transmitir ao Governo que a Comissão de Utentes de Saúde, os órgãos autárquicos, a Plataforma Juntos pelo Hospital e a população não esqueceram as promessas [do próprio primeiro-ministro, António Costa] e pretendem continuar a lutar por este equipamento de saúde”, refere n ota de imprensa da autarquia.

Para além de reivindicação, o Natal do Hospital no Seixal “é também um momento de união, partilha e solidariedade ao qual se juntam artistas locais e nacionais para um espectáculo musical único”. No palco vão estar nomes como Maria de Lourdes, Fernando Viegas, Mário Barradas, Ricardo Mestre, Vasco Duarte, Manuela Sameiro, David Ventura, Eduardo Santana, Dany Silva, Elisabete, Banza, Vítor Paulo, David Antunes e Samuel.

Entretanto, até ao próximo dia 16, decorre a 30.ª edição dos concertos de Natal que vai levar música a várias igrejas do concelho, ao Moinho de Maré de Corroios e à Quinta da Fidalga. Com a participação de diversos grupos corais, coros e bandas do concelho, os Concertos de Natal evocam o espírito natalício através da música, nesta quadra em que se celebra a família e a solidariedade.

Fonte: Diário da Região 

Aplicativos


 Locutor Ao vivo


AutoDJ

Varios

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

01.

Contra Ponto

02.

TOY

03.

Dinis Brites

04.

Doellinger

05.

Gilberto Amaral

Anunciantes