Seixal consegue captar interesse de investidores turísticos

24/03/2019

Com projectos turísticos quase a saltarem do papel, o município do Seixal aponta para a captação de novos investimentos. A presença na Bolsa de Turismo de Lisboa deu mais visibilidade à excelência do concelho neste sector

A presença do município do Seixal na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), que terminou no passado domingo, “correu muito bem”, afirma o presidente da Câmara, Joaquim Santos, que revela ter sido uma oportunidade para encetar novos contactos com investidores no sector.

Com o município a ser o convidado da 31.ª edição deste certame na FIL, ficou com direito ao stand a abrir o pavilhão 2 e com um destaque “assinalável” que permitiu “muitas interacções com visitantes e operadores turísticos”, diz Joaquim Santos, que realça os contactos feitos com um operador alemão e outro espanhol “interessados em investir no concelho”.

No espaço da feira, que o autarca qualificou como “simples” mas demonstrativo do potencial da oferta existente no Seixal desde a restauração ao património, passando pelos espaços de cultura, até aos novos projectos; uns já na calha da construção, outros ainda na fase de idealização.

Decidido e a avançar para fase de licenciamento está o futuro Hotel Mudet, que foi apresentado na BTL. Será uma unidade de 4 estrelas que começou num investimento de 7,5 milhões de euros mas que o presidente do Grupo Libertas, António J. Gonçalves, revelou a O SETÚBALENSE-DIÁRIO DA REGIÃO que “deverá ultrapassar os 13 milhões de euros”.

Um reforço de investimento que agradou a Joaquim Santos que interpreta como “demonstração que o potencial turístico do Seixal merece confiança”. Com esta unidade de 84 quartos a ser construída em espaço da antiga fábrica da cortiça Mundet, e com data de abertura em 2021, o autarca já aponta na afirmação de outros projectos.

Com o futuro Hotel Quinta da Trindade, e a restinga da Ponta do Corvos na agenda, o executivo do Seixal tem já em preparação o programa para o futuro Porto de Recreio e Hotel do Seixal, a situar-se do lado oposto da baía ao Hotel Mundet. Trata-se de um equipamento com a vertente hoteleira e turismo náutico que “já tem um interessado”, revela o autarca, e deverá ter concurso preparado no segundo semestre deste ano.

Fonte: Diário da Região

0 Comentários

Os comentários estão agora fechados.

Aplicativos


 Locutor Ao vivo


AutoDJ

Varios

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

01.

Contra Ponto

02.

TOY

03.

Dinis Brites

04.

Doellinger

05.

Gilberto Amaral

Anunciantes